Mineradora integra o GPB

21-Jan-2020

O fechamento do Canal do Linguado em 1935, em São Francisco do Sul, SC, vem acumulando, de forma desastrosa, sedimentos na Baía Babitonga que entre outras consequências impedem ou dificultam a navegação em vários pontos. A atividade de extração de areia tem como um dos efeitos colaterais a diminuição desse crescente assoreamento. Apesar disso, a atividade enfrenta resistências por também provocar outros danos ambientais.

No Grupo Pró-Babitonga (GPB) a D’Miros Extração e Comércio de Areia Ltda é representada pelo empresário Valdemiro José Minella, 66, que também integra a Câmara Técnica de Fiscalização Ambiental (CTFA). “Represento o setor socioeconômico e minha participação é para de alguma forma ajudar na fiscalização e preservação dessa imensa maravilha, a Baía Babitonga”.

Nascido em Blumenau, Minella mora em Joinville desde 1990. Militar reformado, concluiu o ensino médio e formou-se piloto de avião e helicóptero, equipamentos que usa para também fiscalizar a baía. Ele tem consciência dos danos ambientais que uma dragagem inadequada ou em desacordo com a legislação pode provocar no meio ambiente. “Em nossa empresa a preocupação com o meio ambiente é prioridade. Agora, estamos avaliando, com especialistas, a viabilidade de usar energia solar para a propulsão das nossas embarcações”.

O empresário destaca a confiança no trabalho realizado pelo GPB. “A participação de vários setores da sociedade, que voluntariamente disponibilizam parte preciosa de seus tempos nas reuniões onde são discutidos assuntos relevantes sobre a preservação e o futuro do ecossistema da nossa Baía Babitonga, me motiva à participação”.

 

Grupo Pró Babitonga (GPB) – Colegiado que reúne voluntários dos segmentos socioambiental, público e socioeconômico num amplo processo de gestão ambiental participativa do Ecossistema Babitonga.

Câmaras Técnicas (CT) - Grupos de voluntários focados em discussões técnicas específicas para estabelecer ações que permitam ao GPB atingir seus objetivos.

Ecossistema Babitonga – Localizado no litoral norte de Santa Catarina, delimita-se pela lâmina d’água da Baía Babitonga, incluindo seus bosques de manguezal e marisma, além do litoral adjacente a baía, entre a foz dos rios Saí-Guaçú (ao norte) e Itapocu (ao sul), até a profundidade de vinte metros.

 

Assessoria de Comunicação do GPB - DRT 003371 JPSC - comunicacaoprobabitonga@gmail.com

 

 

 

 

Please reload

Posts Em Destaque

"Operação Uçá", a 2ª ação integrada de fiscalização na Baía Babitonga

July 20, 2019

1/10
Please reload

Posts Recentes

February 28, 2020

February 21, 2020

Please reload

Arquivo