Setor de transporte aquaviário indica usos do Ecossistema Babitonga em oficina de planejamento espac



O Projeto Babitonga Ativa deu continuidade à série de oficinas de planejamento espacial marinho, hoje (23/09), às 14h, no Museu Nacional do Mar, com representantes do setor de transporte aquaviário. Neste grupo estão incluídos empresas de transporte coletivo aquaviário, complexos portuários operantes e em fase de licenciamento, estaleiros em fase de licenciamento e o ferry boat em operação. O objetivo é mapear e sistematizar, junto aos usuários diretos da baía, as informações sobre os benefícios oferecidos pelo ecossistema Babitonga e suas áreas utilizadas.


Na oficina de hoje, compareceram representantes do Terminal Graneleiro Santa Catarina (TGSC), Terminal Portuário Santa Catarina (TESC), Porto de Itapoá, Terminal Graneleiro Babitonga (TGB), da empresa Construção e Montagem Offshore (CMO) e do Terminal Mar Azul. Representantes da Petrobrás Transportes (Transpetro), do Porto de São Francisco do Sul, da empresa de transporte Glória Tur e do ferry boat F. Andreis também foram convidados, mas não compareceram.



Com as informações de usos a partir da pesca, da maricultura, das atividades de transporte aquaviário, turismo e mineração, será possível estabelecer um mapa que inclua os múltiplos usos e interesses para auxiliar na construção do Plano Adaptativo e Colaborativo para a Governabilidade do Ecossistema Babitonga (PGE).


As oficinas de mapeamento, valoração e identificação de serviços ecossistêmicos serão conduzidas, também, com o setor de agentes de turismo, que inclui as marinas, barcos de turismo e pousadas que fazem uso direto da Baía Babitonga. Mineradores que fazem extração de areia da região também serão ouvidos.


Todos os resultados dos encontros serão levados para avaliação e discussão com o Grupo Pró-Babitonga (GPB) e comunidades envolvidas da região. O GPB será composto por representantes da sociedade civil, do poder público e da iniciativa privada da região de entorno da Babitonga. Pescadores e maricultores que não participaram das reuniões realizadas terão a oportunidade de comparecer às futuras rodadas de planejamento espacial marinho. A equipe do Projeto Babitonga Ativa está mobilizando todos os atores a participar das reuniões.

Posts Em Destaque
Posts Recentes
Arquivo
Procurar por tags
Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square