Projeto Babitonga Ativa busca parceria com Secretaria de Educação e Cultura de São Francisco do Sul



Com o intuito de facilitar uma formação continuada em ecocidadania a professores e educadores formais e informais dos municípios do entorno da Baía Babitonga, a equipe do Projeto Babitonga Ativa se reuniu, na quarta-feira (2), com a secretária de Educação e Cultura de São Francisco do Sul, Mara Lúcia Moreira Jasper, e com a coordenadora de ensino, Marilza de Braga Costa. O objetivo é promover oficinas e palestras com as temáticas socioambientais e culturais junto à comunidade escolar de São Francisco do Sul, Garuva, Joinville, Araquari, Balneário Barra do Sul e Itapoá.


As ações fazem parte da construção de uma Agenda Integrada de Ecocidadania que o Projeto Babitonga Ativa está facilitando. Além de oferecer oficinas e palestras, esta agenda também prevê o fortalecimento de iniciativas educativas e culturais desenvolvidas na região. O objetivo geral é ativar os cidadãos para participar na formação e operação do Grupo Pró-Babitonga (GPB). Este grupo multissetorial vai reunir a sociedade civil, o poder público e a iniciativa privada para restaurar e promover a saúde do ecossistema da Baía Babitonga.


Para a secretária, a gestão da baía merece plena participação popular. “É muito importante haver uma iniciativa com um olhar imparcial, que abra espaço para diálogo, pois as pessoas não se sentem empoderadas para falar. Existe a noção desmotivadora de que não adianta participar das discussões, mas é importante que a ideia seja plantada e abraçada pela comunidade”, afirmou.

Posts Em Destaque
Posts Recentes
Arquivo
Procurar por tags
Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square